Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/handle/prefix/261
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Diversidade de Odonata (Insecta) na Serra da Bodoquena, Mato Grosso do Sul, Brasil
Other Titles: Odonata (Insecta) from Serra da Bodoquena, Mato Grosso do Sul State, Brazil
metadata.dc.creator: Dalzochio, Marina Schmidt
metadata.dc.contributor.advisor1: Costa, Janira Martins
metadata.dc.contributor.advisor2: Uchoa-Fernandes, Manoel Araecio
metadata.dc.description.resumo: Um dos maiores obstáculos para a conservação da biodiversidade tropical é a falta de informações, advinda principalmente da ausência de inventários de fauna em muitas áreas. Os dados sobre distribuição e riqueza de espécies gerados destes inventários subsidiam planos de conservação e de manejo em ecossistemas de proteção ambiental, possibilitando o estabelecimento de prioridades e a concentração de esforços em ações práticas. Esses estudos têm sido particularmente em relação a estimativas de riqueza de espécies em grupos altamente diversificados, como por exemplo, os insetos. Neste contexto, Odonata vem se destacando nos últimos anos como ferramenta para se avaliar a saúde de ecossistemas aquáticos já que sua ampla distribuição dentro dos corpos d´água e sua permanência por longos períodos em fase imatura dentro do ambiente aquático permitam mensurar a estabilidade da comunidade. Os Odonata compreendem insetos geralmente conhecidos como libélulas e apresentam cerca de 6 mil espécies em todo mundo. Porém apenas 29% do território brasileiro apresentam dados sobre a riqueza deste grupo. No estado do Mato Grosso do Sul a fauna conhecida de Odonata é de cerca de 60 espécies, com maior parte das informações sobre a região do Pantanal. Ao contrário, outras áreas de semelhante importância no estado são pouco conhecidas. A Serra da Bodoquena é uma das áreas prioritárias para a conservação no Estado do Mato Grosso do Sul, pois abriga a maior extensão de florestas naturais do Estado do Mato Grosso do Sul e pouco explorada neste sentido. Na região, estudos com Odonata, contam até o presente com um trabalho de que indicou 55 espécies do grupo, associados a porção norte da Serra da Bodoquena. O trabalho atual apresenta a composição e riqueza de espécies de Odonata em quatro outros sistemas lóticos que banham a Serra da Bodoquena. Esses dados incrementam informações sobre Odonata regional e podem subsidiar futuros trabalhos de conservação e manejo na área. Trinta e três espécies de Odonata foram coletadas e relacionadas com padrões de distribuição geográfica e de riqueza dentro dos rios amostrados. Os dados obtidos foram relacionados e submetidos ao método de estimativa de riqueza Jackniffe de 2ª ordem. Dezessete novos registros foram detectados, sobretudo cinco novas espécies. A riqueza de espécies variou entre épocas de coleta, áreas amostrais e rios. Os resultados sugerem que a Serra da Bodoquena apresenta uma fauna de Odonata heterogênea com espécies de diferentes origens de distribuição. Sugerem também que grande parte da riqueza de Odonata está influenciada pela diversidade de microhábitats para os imaturos.
Abstract: The biggest obstacles for the conservation of tropical biodiversity are the lack of information, arising mainly from the lack of inventories of fauna in many areas. Data on distribution and species richness generated in these inventories, can subsidize these conservation plans and management of ecosystem with environmental protection, allowing the establishment of priorities and concentrating efforts on practical actions. These studies have been done particularly to estimates of species richness in highly diverse groups such as the insects. In this context, Odonata has been increasing in recent years as a tool to assess the health of aquatic ecosystems once its wide distribution within the water and it spends long periods in immature stage at the aquatic environment con help in the stability of the community measurement. The Odonata include insects known as dragonflies and generally have about 6 thousand species worldwide. But only 29% of Brazilian territory present data on the wealth of this group. In the state of Mato Grosso do Sul the known fauna of Odonata is about 60 species, with most information on the region of the Pantanal. Unlike other areas of similar importance in the state are poorly known. Serra da Bodoquena is one of the priority areas for conservation in the state of Mato Grosso do Sul, it has the largest natural forests in the State, but little explored yet. In the region, studies with Odonata, are to present a work that showed 55 species of the group associated at northern portion of Serra da Bodoquena. The current work shows the composition and species richness of Odonata in four other lotic systems that bathe the Serra da Bodoquena. These data enhance information about regional Odonata and can support future conservation and management works in the area. Thirty-three species of Odonata were collected and related to patterns of geographical distribution and wealth within the rivers sampled. The data were correlated and subjected to the method of estimation of wealth Jackniffe to 2nd order. Seventeen new records were found, especially five new species. The richness of species ranged between times of collection, sample areas and rivers. The results suggest that the Serra da Bodoquena presents a fauna of Odonata species with heterogeneous distribution of different origins. Also suggest that much of the richness of Odonata is influenced by the diversity of microhabitat for the immature.
Keywords: Serra da Bodoquena
Inseto aquático
Aquatic insects
Odonata
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Grande Dourados
metadata.dc.publisher.initials: UFGD
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Ciências Biológicas e Ambientais
metadata.dc.publisher.program: Programa de pós-graduação em Entomologia e Conservação da Biodiversidade
Citation: DALZOCHIO, Marina Schmidt. Diversidade de Odonata (Insecta) na Serra da Bodoquena, Mato Grosso do Sul, Brasil. 2009. 70 f. Dissertação (Mestrado em Entomologia e Conservação da Biodiversidade)–Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, MS, 2009.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://200.129.209.58:8080/handle/prefix/261
Issue Date: 20-Mar-2009
Appears in Collections:Mestrado em Entomologia e Conservação da Biodiversidade

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MarinaSchmidtDalzochio.pdf34,07 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.