Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/handle/prefix/4599
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Geografia da escola: uma análise territorial de escolas da fronteira Brasil-Bolívia e Brasil-Paraguai
Other Titles: School geography: a territorial analysis of schools on the Brazil-Bolivia and Brazil-Paraguay border
metadata.dc.creator: Abreu, Laís Rondis Nunes de
metadata.dc.contributor.advisor1: Abreu, Silvana de
metadata.dc.contributor.referee1: Fabrini, João Edmilson
metadata.dc.contributor.referee2: Girotto, Eduardo Donizeti
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho é fruto de um processo de amadurecimento acadêmico e profissional, que é coletivo, culminando em uma dissertação que provém das minhas discussões e vivências e de meu grupo de pesquisa. Deste modo, esta proposta abarca um olhar sobre a escola, a educação, o Estado, a fronteira e a Geografia, para compreensão da Geografia da Escola, seus territórios e territorialidades. Para tanto o trabalho foi realizado em dois municípios de fronteira de Mato Grosso do Sul, Corumbá e Ponta Porã, que compõem a faixa de fronteira com Bolívia e Paraguai, respectivamente. Em cada um dos dois municípios optamos pela análise socioespacial de duas escolas, sendo uma urbana e uma do campo, realizando uma observação do cotidiano escolar e conversas com os sujeitos: direção, coordenação, agentes de cozinha e professores; além de ser aplicada uma atividade para uma turma de estudantes em cada escola. Este trabalho tem como objetivo evidenciar as relações socioespaciais das escolas participantes, seus territórios e territorialidades. Dessa forma foi necessário compreender o papel do Estado na formulação das políticas públicas educacionais e de fronteira, pois é a partir do entendimento da relação estrutural entre os direcionamentos estatais, alinhado ao capitalismo mundial, que podemos compreender como são formuladas e implementadas as políticas públicas para as escolas brasileiras. Compreendemos que o direcionamento estatal, as territorialidades dos sujeitos e as relações socioespaciais nas escolas constroem territórios múltiplos e únicos em cada lócus que analisamos, desta maneira é preciso pensar as particularidades das escolas na formulação das políticas públicas, sobretudo quando pensamos políticas para a faixa fronteira brasileira. Foi evidenciado que a língua e a disciplina empregada por meio da escola é uma face da consolidação territorial da nação e soberania nacional para essas localidades. Por fim, concluímos que é necessário pensar a Geografia enquanto campo de análise possível para compreender as relações socioespaciais da escola, principalmente com a capacidade de observação do todo e formulação de uma análise capaz de abarcar conceitos para pesquisar uma Geografia da Escola.
Abstract: This work is the result of an academic and professional maturation process, which is collective and has become into a dissertation that comes from my discussions and experiences and from my research group. Thus, this proposal includes a look at the school, education, the State, the border and Geography, to understand the School's Geography, its territories and territorialities. To this end, the work was carried out in two border cities in Mato Grosso do Sul state, Corumbá and Ponta Porã, that compose the border strip with Bolivia and Paraguay, respectively. In each of the two cities, we have chosen the sociospatial analysis of two schools, one urban and one in the countryside, conducting an observation of the school routine and conversations with the school subjects: management, coordination, kitchen staff and teachers, in addition to an activity applied to a class of students at each school. This work aims to highlight the socio-spatial relations of the participating schools, their territories and territorialities. In this way, it was necessary to understand the role of the State in the formulation of educational and border public policies, since it is from the understanding of the structural relation between state guidelines, aligned with world capitalism, that we can understand how public policies are created and implemented for the Brazilian schools. We understand that State’s direction, the territorialities of the subjects and the socio-spatial relations in schools do build multiple and unique territories in each locus that we analyze, so it is necessary to think about the particularities of schools in the formulation of public policies, especially when we think about policies dedicated to the Brazilian border area. It was seen that the language and the discipline used through the school is a face of the nation's territorial consolidation and national sovereignty for these localities. Finally, we concluded that it is necessary to think of Geography as a possible field of analysis to understand the school's socio-spatial relations, mainly with the ability to observe the whole picture and formulate an analysis capable of encompassing concepts to research School Geography.
Keywords: geografia - ensino e aprendizagem
geography - study and teaching
grupos sociais
social groups
região de fronteira - educação
borderlands - education
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Grande Dourados
metadata.dc.publisher.initials: UFGD
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de pós-graduação em Geografia
Citation: ABREU, Laís Rondis Nunes de. Geografia da escola: uma análise territorial de escolas da fronteira Brasil-Bolívia e Brasil-Paraguai. 2021. 175 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Faculdades de Ciências Humanas, Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, 2021.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/handle/prefix/4599
Issue Date: 23-Mar-2021
Appears in Collections:Mestrado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LaísRondisNunesdeAbreu.pdf1,77 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.