Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/handle/prefix/3675
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
Title: Diversidade, distribuição e história natural das vespas Spheciformes (Hymenoptera: Apoidea) no Mato Grosso do Sul
metadata.dc.creator: Trad, Bhrenno Maykon
metadata.dc.contributor.advisor1: Silvestre, Rogério
metadata.dc.description.resumo: O conhecimento sobre a diversidade e a distribuição das vespas Esfeciformes no Brasil é extremamente fragmentado, e restrito a poucas regiões. Assim, os dados sobre a sua biologia são bem descritos para alguns poucos grupos, porém, inexistentes para muitos outros, um reflexo da escassez de especialistas neste grupo de vespas no Brasil. Neste trabalho apresentamos o primeiro esforço amostral para as vespas esféciformes das famílias Ampulicidae, Sphecidae e Crabronidae no Estado de Mato Grosso do Sul. Os dados aqui presentes são oriundo de inventários entre os anos de 2004 a 2012 realizados em 22 pontos amostrais, com principal ênfase na Serra da Bodoquena, dentre outras áreas que contemplam os principais biomas do Estado como o Cerrado, a Mata Atlântica e o Chaco Brasileiro. Para as amostragens utilizamos o puçá de maneira ativa, armadilhas de Malaise (interceptação de vôo) e armadilhas de Moërick (bandejas coloridas). Foram registrados 506 indivíduos distribuídos em 109 espécies e 47 gêneros. Trypoxylon Latreille foi o gênero mais diverso com 155 indivíduos coletados e 12 espécies, sendo o único gênero amostrado em todas as metodologias e em todas as localidades. Eremnophila binodis (Fabricius) foi à espécie mais abundante registrada dentre os esfeciformes, com 35 indivíduos coletados. Esta lista acrescenta 83 novos registros de distribuição de espécies dessas vespas no Estado, ampliando para 139 espécies de vespas esfeciformes registradas no Estado. As espécies Allogorytes bifasciatus (Bréthes, 1909), Clitemnestra paraguayana Bohart, 2000 e Stenogorytes megalommiformis (Strand, 1910), até o presente estudo não tinham sido registradas no país.
Abstract: The knowledge about the diversity and distribution of wasps Spheciformes in Brazil is highly fragmented and restricted to a few regions. Thus, data on its biology are well described for a few groups, but lacking for many others, a reflection of the dearth of specialists in this group of wasps in Brazil. In this study we present the first sampling effort for Spheciformes wasps (Hym: Apoidea) to the families: Ampulicidae, Sphecidae and Crabronidae, from the Mato Grosso do Sul State, Brazil. The data presented here are derived from inventories performed between the years 2004 to 2012, conducted in 22 sampling points, with main emphasis to the fauna of Serra da Bodoquena plateau, among other areas contemplating the biomes in the State as the Cerrado, the Atlantic Forest and Chaco. We use the hand net sampling actively, Malaise traps (flight intercept) and traps Moërick (colored trays). We recorded 506 individuals distributed in 47 genera and 109 species. Trypoxylon Latreille was the most diverse genus with 155 individuals collected and 12 species, being the only genus sampled in all methodologies and in all locations. Eremnophila binodis (Fabricius) was the most abundant species recorded from the Spheciformes with 35 individuals collected. This list adds 83 new distribution records of species of these wasps in the MS State, expanding to 139 species of wasps Spheciformes registered in the State. The species Allogorytes bifasciatus (Bréthes, 1909), Clitemnestra paraguayana Bohart, 2000 e Stenogorytes megalommiformis (Strand, 1910) are recorded for the first time in Brasil.
Keywords: Biodiversidade
Biodiversity
Sphecidae
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Grande Dourados
metadata.dc.publisher.initials: UFGD
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Ciências Biológicas e Ambientais
Citation: TRAD, Bhrenno Maykon. Diversidade, distribuição e história natural das vespas Spheciformes (Hymenoptera: Apoidea) no Mato Grosso do Sul. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Ciências Biológicas) – Faculdade de Ciências Biológicas e Ambientais, Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, MS, 2013.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/handle/prefix/3675
Issue Date: Apr-2013
Appears in Collections:Ciências Biológicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
BhrennoMaykonTrad.pdf2,03 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.