Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/handle/prefix/393
metadata.dc.type: Tese
Title: A Geopolítica da expansão das Universidades Federais/Nacionais no Brasil e na Argentina de 2003 a 2015
metadata.dc.creator: Almeida, Marcelo Matias de
metadata.dc.contributor.advisor1: Johnson, Guillermo Alfredo
metadata.dc.description.resumo: A expansão da oferta do ensino superior nas últimas décadas é um fenômeno comum nos países da América Latina. Argentina e Brasil também passam por este processo, e estes países apresentam similaridades e diferenças nessas expansões respectivamente. Partindo de uma mudança da ação estatal, ambas as nações investiram na expansão da oferta do ensino superior público nacional/federal em suas nações. Através de diversas políticas públicas, o Estado conduziu esta expansão. Tais processos são advindos da ascensão de governos ditos populares, que priorizavam um investimento público forte e presença estatal nas áreas sociais. No Brasil, este período se inicia com a ascensão de Luiz Inácio Lula da Silva em 2003, e analisamos nesta pesquisa até o término do primeiro Governo de Dilma Vana Rousseff em 2014. Logo o período a ser analisado no Brasil passa pelos dois governos Lula, 2003-2006 e 2007-2010 e o primeiro governo Dilma de 2011-2014. Na Argentina, analisamos os governos Kirchneristas de Néstor e Cristina Kirchner. O governo de Néstor Kirchner 2003-2007 e o de Cristina Kirchner de 2007-2015. Evidenciamos como a expansão da rede nacional/federal de educação superior, através da criação de novas universidades, se territorializou em ambos os países, gerando uma nova geopolítica para a educação superior pública. A Geografia Política servirá como referencial para nossa análise, pois será necessário que tenhamos concepções a respeito do Estado, políticas públicas e o território e como estes são conceitos imbricados na política de expansão da educação superior pública nos países estudados.
Abstract: The expansion of the offer of higher education in the last decades is a common phenomenon in the countries of Latin America. Argentina and Brazil also go through this process, and these countries present similarities and differences in these expansions respectively. Starting from a change in state action, both nations invested in expanding the supply of national / federal public higher education in their nations. Through various public policies, the state led this expansion. These processes stem from the rise of so-called popular governments, which prioritized strong public investment and state presence in social areas. In Brazil, this period begins with the rise of Luiz Inácio Lula da Silva in 2003, and we analyze in this research until the end of the first Government of Dilma Vana Rousseff in 2014. Soon the period to be analyzed in Brazil passes through the two Lula governments, 2003-2006 and 2007-2010 and the first Dilma government of 2011-2014. In Argentina, we analyze Kirchner's governments of Néstor and Cristina Kirchner. The government of Néstor Kirchner 2003-2007 and that of Cristina Kirchner from 2007-2015. We intend to show how the expansion of the national / federal higher education network, through the creation of new universities, has become territorialized in both countries. Political Geography will serve as a reference system for our analysis, since it will be necessary for us to have conceptions about the State, public policies and the territory and how these concepts are embedded in the policy of expansion of public higher education in the countries studied, Generating a new geopolitics for public higher education.
Keywords: Educação superior
Higher education
Políticas públicas
State policy
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA::GEOGRAFIA HUMANA::GEOGRAFIA POLITICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Grande Dourados
metadata.dc.publisher.initials: UFGD
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de pós-graduação em Geografia
Citation: ALMEIDA, Marcelo Matias de. A Geopolítica da expansão das Universidades Federais/Nacionais no Brasil e na Argentina de 2003 a 2015. 2017. 253 f. Tese (Doutorado em Geografia) – Faculdade de Ciências Humanas, Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, MS, 2017.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/handle/prefix/393
Issue Date: 27-Jul-2017
Appears in Collections:Doutorado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MarceloMatiasdeAlmeida.pdf6,48 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.