Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/handle/prefix/792
metadata.dc.type: Dissertação
Title: A Geografia na educação escolar indígena: limites e possibilidades para a construção da educação intercultural
metadata.dc.creator: Silva, Solange Rodrigues da
metadata.dc.contributor.advisor1: Nunes, Flaviana Gasparotti
metadata.dc.contributor.referee1: Ramos, Antônio Dari
metadata.dc.contributor.referee2: Nardoque, Sedeval
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa tem por objetivo analisar em que medida a Geografia trabalhada nas escolas indígenas de Dourados tem contribuído para a efetivação da educação intercultural. A escolha do tema justifica-se devido a expressiva presença de aldeias assim como o significativo número de escolas indígenas, no município. Em dados levantados junto a Secretaria Municipal de Educação de Dourados (MS) no ano de 2013, nas oito escolas vinculadas às quatro unidades escolares (Aldeia Jaguapiru, Aldeia Bororó, Panambizinho e Missão Caiuá) estão matriculados aproximadamente 4.127 alunos, das etnias Guarani Kaiowa, Guarani Ñandeva e Terena. Com base nessas informações, bem como na leitura e análise da bibliografia proposta, realizamos contatos, visitas, entrevistas semi-estruturadas (com coordenadores, professores), levantamos dados e informações junto à Secretaria Municipal de Educação de Dourados quanto às propostas pedagógicas das escolas indígenas; avaliamos os projetos pedagógicos das escolas indígenas a fim de identificar seus principais objetivos e características em relação ao currículo; analisamos o currículo de Geografia dessas escolas e seu desenvolvimento a partir das práticas docentes e identificamos os limites e possibilidades da Geografia trabalhada nas escolas indígenas em relação à educação intercultural. De modo geral, identificamos nas falas dos coordenadores e professores consenso de que a educação trabalhada nas escolas indígenas do município deva ser intercultural. Contudo, identificamos em parte das falas dos coordenadores e professores visões ou concepções equivocadas sobre o que seria a educação intercultural, demonstrando os limites da Geografia trabalhada nessas escolas. Para além dos limites, constatamos a existência de práticas de alguns professores, que utilizam mecanismos outros, e apresentam possibilidades dessa disciplina auxiliar na construção de diálogos interculturais.
Abstract: This paper aims to analyze the extent to which Geography, taught in DouradosMS aboriginal schools, has contributed to the effectiveness of intercultural education. The theme was first chosen due to the expressive presence of indigenous villages as well as the significant number of indigenous schools in the city. On data collected from the Municipal Department of Education in 2013, at the eight schools linked to the four school units (Jaguapiru, Bororó, Panambizinho and Missão Caiuá), approximately 4,127 students are currently enrolled in, being those part of the ethnic groups: Guarani Kaiowa, Ñandeva Guarani and Terena. Based on this information, as well as in reading and analyzing proposed literature, we got in touch with coordinators and teachers, arranged some visits and made semi-structured interviews; in addition, we raised data and information at the Municipal Department of Education concerning the pedagogical projects of those schools. Thus, we evaluated the educational projects of such schools in order to identify their main objectives and characteristics related to the curriculum; we analyzed their Geography curriculum and its development from the teacher’s practices, by this, we identified the limits and possibilities of such discipline related to intercultural education. In general, we noticed consensus in the statements made by coordinators and teachers that the education worked in indigenous schools of the municipality should be intercultural. However, we acknowledged, in part of the speech of coordinators and teachers, a certain misconceptions about what intercultural education would be, demonstrating the restrictions of the Geography worked in these schools. Besides, we found that the practice of some teachers, who use other mechanisms, presents possibilities of this discipline to assist in the building of intercultural dialogues.
Keywords: Geografia - ensino e aprendizagem
Geography - Study and teaching
Povos indígenas - educação
Indigenous peoples - Education
Relações culturais
Cultural relations
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Grande Dourados
metadata.dc.publisher.initials: UFGD
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de pós-graduação em Geografia
Citation: SILVA, Solange Rodrigues da. A Geografia na educação escolar indígena: limites e possibilidades para a construção da educação intercultural. 2013. 132 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Faculdade de Ciências Humanas, Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, MS, 2013.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/handle/prefix/792
Issue Date: 2013
Appears in Collections:Mestrado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SolangeRodriguesdaSilva.pdf9,56 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.