Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/handle/prefix/1134
metadata.dc.type: Tese
Title: Formação de professores de educação física para a educação inclusiva: práticas corporais para crianças autistas
metadata.dc.creator: Nunes, Jacqueline da Silva
metadata.dc.contributor.advisor1: Martins, Morgana de Fátima Agostini
metadata.dc.contributor.referee1: Santos, Reinaldo dos
metadata.dc.contributor.referee2: Marques, Eugenia Portela de Siqueira
metadata.dc.contributor.referee3: Silva, Thaise da
metadata.dc.contributor.referee4: Carneiro, Relma Urel Carbone
metadata.dc.contributor.referee5: Ferreira, Eliana Lucia
metadata.dc.description.resumo: A formação de professores na perspectiva inclusiva vem se constituindo um campo de estudos e reflexões da Educação. Na Educação Física, esta perspectiva, como conteúdo curricular, se torna um campo de saber e atuação, agregando conhecimentos para auxiliar o professor a trabalhar com a Educação Especial. No entanto, professores de Educação Física, de maneira geral, não estão preparados para atuar com crianças que apresentam TEA (transtorno de espectro autista). Além disso, estudos apontam fragilidades, tanto na formação inicial quanto na formação continuada dos professores de Educação Física. Diante desse contexto, a presente tese objetivou analisar a formação de professores de Educação Física sobre práticas corporais para a inclusão escolar de crianças com autismo, a partir de um programa de formação continuada na região da Grande Dourados/MS. Para isso, buscou-se compreender como se estruturava a formação continuada e a prática docente das professoras de Educação Física sobre a inclusão de alunos com TEA em suas aulas. Foram identificadas as orientações existentes na Política Nacional de Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva e relações com o Ensino Público Municipal de Dourados-MS, no ensino fundamental; foram avaliadas as concepções das professoras de educação física sobre a inclusão, com ênfase na importância das práticas corporais para inclusão de crianças com autismo; foram analisadas as construções de metodologias de práticas corporais durante a formação em serviço. Avaliou-se a contribuição da proposta de formação de professores em práticas corporais. Neste estudo qualitativo, do tipo exploratório descritivo, adotou-se a abordagem teórico-metodológica da teoria fundamentada nos dados (grounded theory). Participaram da pesquisa três professoras de Educação Física e uma professora da sala de recurso multifuncional, que atuavam na escola e que tinham ou já tiveram em suas turmas crianças com autismo. Para coletar os dados, foram utilizados: observação, entrevista semiestruturada, questionário, diário de campo e áudios transcritos das sessões reflexivas sobre o programa de formação de professores, desenvolvido em vinte e quatro encontros. Por meio da metodologia de pesquisa colaborativa, estabeleceu-se uma parceria entre pesquisadores e professores. Para análise dos dados, utilizou-se a análise de conteúdo, com uma categorização temática conforme os objetivos específicos do trabalho. Com a análise dos dados, constatou-se que não existiu formação continuada na área da educação física há mais de 10 anos. Além disso, notou-se que, mesmo diante das dificuldades, as professoras buscavam construir estratégias inclusivas, mas ainda com base em experiências e formações anteriores. A pesquisa colaborativa possibilitou o desenvolvimento de novas experiências corporais inclusivas; a união das professoras; e o envolvimento de outros profissionais da área da educação na escola. Diante disto, realizou-se um programa de formação continuada em serviço em favor da inclusão de alunos com TEA. Sugere-se que este trabalho possa ser ampliado entre outros docentes de Educação Física da cidade de Dourados, tanto de escolas públicas quanto privadas, para ampliar o conhecimento dessas metodologias de práticas corporais, visando a efetiva inclusão, não só dos alunos com autismo, mas de qualquer criança que necessite de estratégias metodológicas específicas fundamentadas e adequadas às suas realidades para facilitar a aprendizagem.
Abstract: The teacher education in an inclusive perspective has become a field of studies and reflections on Education. This perspective, in Physical Education, as a curricular content, becomes a field of knowledge and action, to help the teacher in his work with Special Education. However, Physical Education teachers, in general, are not prepared to deal with children with ASD (autism spectrum disorder). In addition, the studies point to weaknesses in both initial and continuing education of Physical Education teachers. Considering this context, the main objective of this thesis was to analyze the Physical Education teachers’ education about corporal practices for the school inclusion of children with autism, from a program of continuing education in Grande Dourados/MS. In order to reach this goal, we sought to understand how the continuing education and teaching practice of physical education teachers were structured on the inclusion of students with ASD in their classes. We identified the existing guidelines in the National Policy on Special Education in the perspective of Inclusive Education and its relationship with the Municipal Public Education of Dourados-MS in elementary school. We evaluated the conceptions of physical education teachers on inclusion, with emphasis on the importance of corporal practices in the inclusion of children with autism. We analyzed the construction of methodologies of corporal practices during the in-service training, as well as the contribution of the proposal of teacher training in corporal practices. This research was characterized as qualitative, descriptive and exploratory, adopting the grounded theory as theoretical-methodological approach. Three physical education teachers and one teacher from the multifunctional resource room, who worked in regular (public) school and who had or had children with autism in their class, participated in the study. For data collection, we used observation, semi-structured interview, questionnaire, field diary and transcripts of reflexive sessions about the teacher training program, developed in twenty-four meetings. Through the methodology of collaborative research, a partnership was established between researchers and teachers. For the analysis of the data, the content analysis was used, based on a categorization according to the specific objectives of the work. With the analysis of the data, it was possible to verify that there has not been continuous training in the field of physical education for more than 10 years. In addition, it was noted that, even in difficulties, teachers seek to build inclusive strategies, but still based on previous experiences and formations. The collaborative research allowed the development of new inclusive body experiences; the union of the teachers; and the involvement of other professionals in the area of education at school. Thereby, we develop a continuing in-service training program in favor of the inclusion of students with ASD. Finally, we suggest that this work can be expanded among other physical education teachers in Dourados, both public and private schools, to increase the knowledge of these methodologies of corporal practices, aiming at the effective inclusion not only of students with autism, but of any child who needs specific methodological strategies grounded and adapted to their realities to facilitate learning.
Keywords: Educação inclusiva
Inclusive education
Formação continuada
Continuing education
Educação física
Physical education
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Grande Dourados
metadata.dc.publisher.initials: UFGD
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de pós-graduação em Educação
Citation: NUNES, Jacqueline da Silva. Formação de professores de educação física para a educação inclusiva: práticas corporais para crianças autistas. 2019. 221 f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Ciências Exatas e Tecnologia, Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, 2019.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufgd.edu.br/jspui/handle/prefix/1134
Issue Date: 13-May-2019
Appears in Collections:Doutorado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JacquelinedaSilvaNunes.pdf2,48 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.